Escalada nas Pedreiras (Sesimbra)

Pedreiras

Este Domingo fomos descobrir um novo spot de escalada, as Pedreiras em Sesimbra. Mais uma vez o tempo não desiludiu visto que fez sol e calor durante todo o dia, e como em todos os spots de Sesimbra a vista é sempre lindíssima…

 

Conseguem ver o barco?

Ok, mas vamos começar pelo principio.

Como já se sabe o acesso a esta parede pode ser um pouco complicado, porque para lá chegar temos de fazer uma caminhada de cerca de 25 minutos, seguindo vários sinais da paisagem, como se pode ver neste crocki facultado pelo Gmes ( Grupo de montanha e escalada de sintra)

 

...

lol, não é propriamente fácil mas até se fez bem com um ou outro pequeno desvio.

No entanto antes de chegarmos ali ao pinheiro o nosso “sherpa” Vasco decidiu fazer um atalho 🙂 enquanto que os restantes foram pelo caminho mais provável. Nós acabámos por ter sorte e ir pelo caminho mais fácil, enquanto que o sherpa acabou com arbustos pela cabeça, á “katanada” no matagal, mas sem katana 😀 Ora vejam!

 

🙂

Chegados à falésia, o mais difícil já estava feito. ERRADO!!! Foi aqui que começou o martírio lol

Supostamente deveríamos contornar a falésia por um caminho que virava à esquerda, o que fizemos, mas virámos mais à frente do que deveríamos, o que fez com que fossemos dar uma grande volta.

Lá fomos descendo por uns caminhos que ás tantas foram desaparecendo e ainda andámos a desbravar durante um tempo até que encontrámos este caminho de pedras.

 

...

Ainda andámos à procura das vias, mas nada, até que fomos dar a esta gruta.

 

...

Desta vez foi o “Sherpa” Vasco que nos safou visto que foi ele que encontrou o acesso ás vias de escalada que nós procurávamos. Mais tarde vim a saber que esta gruta está equipada e que pode ser escalada.

Para termos acesso ás vias de cima temos de seguir sempre à esquerda desta gruta, escalar uma via de grau III, e voilá!!!

 

Finalmente 😉

Ainda perdemos umas duas horas nestas andanças e tudo porque de principio falhámos um caminho à esquerda 🙂

No entanto com esta volta que demos (e não queríamos dar) acabámos por conhecer o spot das vias da parte de baixo, (onde se inclui a gruta) e descobrimos também o acesso que faz a ligação entre as vias de baixo e as vias de cima. E posso-vos dizer que até foi uma bela caminhada visto que o local é muito bonito.

 

...

Ainda escalámos praticamente as vias todas do sector de cima (que poderão ver na próxima foto do Gmes), só não escalámos o IV grau e o primeiro 6a que tinha a primeira plaquete toda enferrujada, de resto foi sempre a andar 😉

 

Vias

E assim se fez o dia.

 

...

E fotos do pessoal a escalar, não há? Infelizmente não, visto que fomos apenas quatro, dois a subir e dois a dar segurança…não dá para mais.

Fica aqui um agradecimento aos meus colegas de escalada, Vasco, Filipe Sousa e Nuno Freire. Foi um belo dia 😉

E no próximo fim-de-semana espero que faça sol! 🙂